Results tagged “Luigi”

Mushiíces 61: Seca

A estrutura química atrás de Luigi no quarto quadrinho é da testosterona. Se vocês faltaram a aula de biologia que explicou o que é isso, sugiro ir pra wikipédia :P
Por sinal, se ela fosse colorida, ia por no fundo do segundo quadro. Como não encontrei nada mais que ampolas de um líquido transparente e sem graça, coloquei uma ilustração de cerveja - que segundo os comerciais na TV, é a mesma coisa :P

E não acho que Fernando Pessoa não concordaria com a reinterpretação de seu poema.

Transcrição:

Bah, eu devia estar com a turma...

...com a Andressa... :D~~~

machinho alfa

Mas to aqui, longe de casa, com a família =/

"Tudo vale a pena se a bunda não é pequena"



Aviso: o modelo "Engrish Speaker" está esgotado!


Making of:

Tenho uma relação de conflito com a expressão "carpe diem": ela serve tanto para nos fazer refletir sobre os excessos de preocupações da nossa vida, quanto para fazer um monte de merda sem pensar nas consequências antes.
Outra expressão que está na tira e que não gosto mesmo é "de resultados", é meio que parente de carpe diem: meio que significa "faça ter resultados agora... depois você corrige o que tem de ser corrigido". Quem fala isso geralmnete vai deixar pras gerações futuras corrigirem, e nem se preocupou com os custos dessa correção.
Vivemos um mundo de sucessivas gerações voltadas apenas ao resultados... :/

(ah sim, tenho certeza que errei a regra dos porquês em algum lugar

Transcrição:

Por que joga o lixo no chão?

Por que alguém vai limpar.

Mas, mas... e se alguém escorregar nele, se machucar?

(estou garantindo o emprego de alguém, até)

Quel é, você tá querendo dificultar minha "felicidade de resultados" com possibilidades futuras??

Mana, o que importa é a certeza de fazer coisas gostosas no presente, só :D



Aviso: o modelo "Engrish Speaker" está esgotado!


Making of:

Mushiíces 55: Para além das nuvens

Um pouco de ficção científica para vocês, mas com alguma chance de se tornar realidade: elevadores espaciais.

Transcrição:

O transporte para o porto lá no alto é feito por estes teleféricos...

Eles foram construídos em...

Pai! Todo mundo sabe disso! E só o Canjo que gosta de ficar admirando estas velharias!

Uaaau

Ok, então vamos. Temos um andar do vagão só para nós.


Making of:

Mushiíces 53: Agora

Tipo "classe média sofre".

Transcrição:

Atualmente voamos

chegamos ao fundo do mar

Falamos com distâncias imensas sem sair de casa

Viajamos em velocidades e fazemos coisas que os antigos diriam ser exclusividade dos deuses

Uma pessoa normal come e vive com conforto invejado por quase todos os reis e imperadores dos livros de história.

Tá, e daí? A janta continua fora da temperatura que gosto e ainda não tem sinal pra conversar...


Making of:

Mushiíces 51: Paisagem

"Por favor, não estrague minha auto-valorização pelo martírio"

Transcrição:

Você já não viu essa paisagem mil vezes, Canjo?

Já, mas sempre tem algo que não vi

Pare com isso, pode estragar meu mau-humor!


Making of:

Mushiíces 50: Condenações

Aposto que Luigi também participaria de movimentos para mudar "tudo o que está aí"... =_=

Transcrição:

Seriam quatro dias perfeitos, fim de semana prolongado... tudo estava planejado...

Mas fui condenado à uma chatérrima viagem de negócios com meus pais :(

Também estamos condenados à tudo isso ):

...E a te aguentar reclamando a viagem inteira ¬¬

E daí? É a minha vida, é a que conta!


Making of:

Eu jurava que a frase de Luigi fosse de Calvin e Haroldo, aí me avisaram que é um provérbio iídiche:
דער מענטש טראַכט און גאָט לאַכט ("Der mentsh trakht un Got lakht")
soa como alemão ("Man plant und Gott lacht", segundo o Google) escrito com letras hebraicas, né? XD

Transcrição:

Planejamos este feriadão desde janeiro. Tem de ser perfeito!

E a Andressa confirmou que vai, dessa vez ela não me escapa :]

Luigi, prepare tua bagagem: teu pai avisou que você vai com ele numa viagem de negócios.

...ordes do teu avô!

"O homem planeja e Deus ri"


Making of:

Feliz por ter feito todos os meninos Agostini direito^^ (eles já apareceram antes numa ilustração, clique aqui). Eles são a família rica e não tão simpática do bairro (na verdade, são os donos do bairro) e o nome deles é uma homenagem à Angelo Agostini, italiano que viveu no Brasil e que em 1869 fez a primeira história em quadrinhos no Brasil, e uma das primeiras do mundo (mais de 20 anos antes do Yellow Kid, que alguns estudiosos consideravam a primeira).

Transcrição:
Vamos brincar, Luigi?
Não sou criança. (13 anos)
Vamos brincar, Nina?
Isso é brincadeira de menino, Canjo. (11 anos)

[In English, click here]
1

Find recent content on the main index or look in the archives to find all content.